POLÍTICA

Justiça Eleitoral cassa mandato da prefeita Carmelita de Castro

O deputado estadual Hélio Isaías, marido da prefeita também foi condenado na ação.

2/09/2019 - 18:09

A Justiça Eleitoral do Piauí (TRE-PI) cassou, na tarde desta segunda-feira (2), o mandato da prefeita da cidade de São Raimundo Nonato, Carmelita de Castro Silva, e do vice-prefeito, Luis Alberto Macedo, por abuso de poder durante as eleições de 2016. A dupla, supostamente, teria comprado votos de eleitores em troca da construção de poços tubulares e reformas hídricas em regiões de intensa estiagem.

O secretário de Defesa Civíl da época e marido e Carmelita de Castro, Hélio Isaias, também foi condenado por utilizar-se do cargo público para atender pedidos da prefeita de São Raimundo Nonato. Foi ainda aplicada multa de 50 mil UFIR contra Hélio Isaías, totalizando R$ 17.100,00.

Além dele, outros quatro vereadores também foram acusados de fornecerem suporte político à prefeita. Todo o grupo, incluindo a prefeita, está inelegível durante oito anos, segundo a determinação do juiz Mario Soares de Alencar.

O juiz pediu que eleições suplementares sejam convocadas para que os cargos da prefeita e do vice seja ocupados. A gestora negou que tenha se beneficiado de obras do governo do estado na época em que concorreu ao mandato.

Com informações OitoMeia

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

error: Conteúdo protegido!!!